África Central

O P. William Doctor, Superior dos espiritanos na África Central, falou à KTO (uma TV católica francesa) sobre a situação dramática das vítimas esquecidas da crise no seu país.

Apesar da situação se ter estabilizado em Banqui, o mesmo não aconteceu no resto do país, especialmente na região sudeste. A violência que ocorreu em maio em Mobaye e Bangassou forçou milhares de pessoas a fugir para a República democrática do Congo, junto ao rio que separa os dois países.

O P. William Doctor descreve uma situação caótica: nenhuma ONG está presente, e apenas os cristãos nas aldeias ajudam os refugiados. Há muitas mortes entre crianças, mulheres grávidas e idosos. Mobaye tornou-se uma cidade fantasma. O presbitério foi pilhado e muitas capelas incendiadas… há muita reconstrução a fazer.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Post comment